Quem sou eu

Minha foto
Inspetor GCMR-PE, Especialista em Segurança Pública, Corporativa, graduado e licenciado em geografia

domingo, 22 de maio de 2016

História do Recife ( Primeiro observatório astronômico das Américas e do hemisfério Sul)

 Recife, berço da astronomia. Primeiro observatório astronômico das Américas e do hemisfério Sul
Georg e Marcgrave (Marggraf, "Marcgraf" "Markgraf") (1610–1644 ) foi um autêntico polímata ,pintor, cartógrafo, aquarelista, astrônomo, naturalista e desenhista ; estudou  matemática, medicina e botânica nas universidades da Europa .
Durante a administração do Conde .Maurício de Nassau foi instalado no Recife ,  o primeiro Observatório Astronômico das Américas e do Hemisfério Sul.
O responsável científico pelo empreendimento foi o astrônomo  alemão George Marcgrave,(1610–1644 ),  o pioneiro no uso da luneta astronômica no Brasil e  convidado por Nassau para pesquisar o firmamento  o céu austral.
Marcgrave  partiu  da Holanda  para o Brasil no dia 1º de janeiro de 1638, onde chegou após 48 dias e se fixou até 1643.
No Recife começou a estudar as estrelas do Hemisfério Sul e fenômenos celestes (eclipses da Lua e do Sol, manchas solares, etc.).
Entusiasmado com o trabalho do astrônomo, o Conde. Maurício de Nassau fez construir um Observatório Astronômico. Marcgrave chegou a estudar o eclipse de 20 de dezembro de 1638 - o primeiro da Lua, observado cientificamente no Brasil e talvez nas Américas.
Mas o Observatório Astronômico não havia ainda sido concluído, de modo que, só no dia 28 de setembro de 1639 é que houve a inauguração do edifício.
Em 13 de Novembro de 1640, já instalado no Observatório do Recife , Marcgrave pode observar e descrever cientificamente pela 1ª vez o primeiro eclipse do Sol nas nossas latitudes
O Observatório foi construído sobre o telhado de um casarão português que foi a primeira residência de Nassau e  que estava às margens do Capibaribe, na ilha de Antonio Vaz onde hoje é o bairro de Santo Antonio, na atual esquina entre as ruas do Imperador e Primeiro de Março.
A construção  consistia num edifício hexagonal de dois andares, encimado por uma torre piramidal com janelas basculantes para observações astronômicas. No andar inferior havia uma câmara escura para experimentos de óptica e para a observação de manchas solares .
Esse Observatório foi destruído em 1643, durante a expulsão dos holandeses do Brasil .
Em 1644, Georg Marcgrave falece em Luanda (África ) aos 34 anos,  vitimado por uma doença tropical .
Postado por SPM Brasil às 20:22:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário